Nossas Amigas Verdinhas - Um Guia de Plantas Domésticas

Nossas Amigas Verdinhas - Um Guia de Plantas Domésticas

Nossas amigas verdinhas 

A presença de plantas dentro de casa traz multi benefícios, pois além de decorar o ambiente, deixando a casa mais agradável, fresca e cheia de cor, essas amigas verdinhas são essenciais para a respiração e saúde de toda a família, já que são capazes de eliminar diversas toxinas presentes no ar, proporcionando, maior qualidade de vida.

Respiração e saúde 😮💨

Em 1989, a NASA fez um estudo apontando quais plantas eram essenciais em ambientes domésticos, a fim de reduzir a poluição do ar interior e auxiliar na melhoria da respiração, neste estudo, foram descobertas algumas plantas com esse super poder, algumas são:

  1. Tamareira-anã                                 
  2. Samambaia Americana e Kimberly
  3. Lírio da paz
  4. Hera e Dracena
  5. Espada de São Jorge
  6. Palmeira de Jardim
  7. Figueira Benjamim

O ponto é que, muitas pessoas deixam de cultivar essas lindinhas, que detalhe, são companheiras pra vida toda, por não ter um grande espaço em casa, como quintais e varandas. Se você pensa assim, não precisa mais passar vontade, pois existem plantas que são ideais para ambientes domésticos. Veja as opções a seguir:

1. Samambaia

A samambaia é uma planta volumosa de folha longa, por isso recomenda-se plantá-la em ambientes altos e suspensos. Uma dica: com a samambaia dá pra criar um lindo jardim vertical na parede.

2. Cróton

A Cróton tem folhas grandes, coloridas e brilhantes. Elas podem apresentar tamanhos variados e mesclar entre os tons verde, vermelho, amarelo, roxo ou rosa, formando lindas combinações. É sempre bom posicioná-la próxima a uma janela, pois sua folhagem depende da exposição do sol para se manter. 

3. Orquídea

Muito usada para decorar os ambientes, devido ao seu alto poder estético, a orquídea varia entre cores de rosa, amarelo, branco, púrpura e muitas outras. Um ponto importante: é indicado colocar uma haste junto ao caule, para evitar a quebra.

4. Espada de São Jorge

A espada de São Jorge não possui caule e suas folhas são longas, podendo atingir até 1 metro de altura. Ela não precisa de tanta manutenção, pois ela é resistente, podendo sobreviver até em ambientes com ar condicionado.

5. Suculentas

As suculentas possuem talo e folhas grossas, uma característica que permite armazenar maior quantidade de água. Algo incrível sobre as suculentas é que elas costumam avisar quando precisam de cuidados, assim:

Folhas podres - significam água em excesso, a plantinha está afogando

Folhas murchas - Cuidado! a planta está com sede

Folhas finas - Ela precisa tomar um banho de sol de pelo menos 4 horas 

6. Cacto

Claro que não podia faltar ele, o famoso cacto. Fáceis de cuidar, os cactos também são ideais para aqueles que não possuem tempo (ou prática) para realizar a manutenção das plantas, pois seu cuidado exige pouca água e muita exposição ao sol.

Alguns fatos curiosos sobre o mundo das plantas

Existem muitas perguntas sobre vários assuntos mundo afora, temas nunca pesquisados ou segredos nunca desvendados, com as plantas não é diferente, por isso, separamos 4 curiosidades interessantes sobre nossas amigas verdinhas. Vamos lá!

1. As plantas podem ouvir 👂🏼

Uma pesquisa sugere que exista um sensor auditivo por parte das flores em relação aos sons dos polinizadores, isso porque alguns pesquisadores expuseram uma espécie de planta ao som de reprodução de uma abelha voando e sinais sintéticos em frequências semelhantes. Resultado: As plantas produziram néctar mais doce em 3 minutos.

2. As plantas podem reconhecer seus irmãos 🧑‍🤝‍🧑

Uma pesquisa descobriu que uma planta litorânea comum, chamada foguete marinho, reconhece as plantas cultivadas a partir de sementes da mesma planta, isto é, suas irmãs. A partir do estudo, viram que quando as irmãs crescem próximas umas às outras no solo, elas não lançam mais raízes para competir entre si. Por outro lado, quando plantadas com outras plantas “estranhas”, elas competem para absorver água e os nutrientes minerais do solo.

3. As plantas são terapêuticas e diminuem stress 🧘

Um estudo feito por pesquisadores, descobriu que ter plantas em casa ou no escritório podem trazer mais conforto e tranquilidade, reduzindo a resposta ao estresse. Outros pesquisadores usaram hortoterapia – ou horticultura terapêutica – para aumentar a sensação de bem-estar em pessoas com depressão, ansiedade e outras condições.

4. O dente-de-leão é comestível 🦷

Isso mesmo, o dente-de-leão é comestível das pétalas até as raízes e tem benefícios comprovados, como efeito anti inflamatório e componentes que protegem o fígado contra os danos causados pelo álcool. Além disso, a raiz e as folhas têm propriedades para controlar os níveis de colesterol.

Mas cuidado: Essa planta não pode ser ingerida por crianças menores de 2 anos.

5. A planta 'rouba' o ar durante à noite? 💤

Há quem pense que é perigoso dormir com plantas no quarto à noite, pois elas podem roubar nosso ar. Fato é que as plantas realmente consomem oxigênio durante o processo de respiração, mas a quantidade de ar consumida por um vegetal não chega perto daquela que um cachorro respira. Então, dormir cercado de plantas é menos sufocante do que passar a noite em um quarto cheio de gente. 

Hora da escolha

Primeiro passo ao comprar um vaso de planta para sua casa, é se questionar se a planta é venenosa para seu pet, pois um caso comum em clínicas veterinárias é a intoxicação de animais por plantas. Por isso, para te ajudar, listamos aqui algumas das plantas mais comuns em ambientes domésticos, lembrando que elas são tóxicas.

  1. Comigo ninguém pode e Azaleia
  2. Jiboia e Filodendro
  3. Costela de Adão e Bico de Papagaio
  4. Espada de São Jorge e Folha da Fortuna
  5. Copo de Leite, Cheflera e Prímula.

Para finalizar, escolha uma planta pra chamar de sua e faça da sua casa um ambiente mais colorido, cheio de vida e saúde.

Olá!

Gostamos de manter você bem informado, por isto cadastre aqui seu email para continuar a acessar nosso blog.


Ao assinar, você concorda com a nossa política de privacidade.

Inscrição realizada com sucesso!
Este e-mail já foi registrado.