Efeitos do envelhecimento no condicionamento físico

Efeitos do envelhecimento no condicionamento físico
O envelhecimento não afeta apenas o condicionamento físico. Os efeitos de envelhecer são muitos e, na maioria dos casos, bastante prejudiciais para qualquer pessoa. Porém, isso depende da qualidade de vida que cada um possui. Alguns fatores de influência são os hábitos, os costumes e as atividades diárias. De acordo com os especialistas, a partir aproximadamente dos 60 anos a pessoa passa a ser conhecida como idosa. Os efeitos do envelhecimento são mais perceptíveis durante essa fase da vida, por isso a importância de se manter saudável. Você sabia que, ao ser uma pessoa idosa, o condicionamento físico é mais afetado pelo processo de envelhecimento? Convidamos você a conhecer o que acontece no organismo a seguir.

Efeitos do envelhecimento no condicionamento físico

Primeiramente, é necessário entender que o processo de envelhecimento ocorre desde a concepção ou nascimento. A partir de então, o organismo começa a perceber os seus efeitos. O envelhecimento é irreversível e ocorre em absolutamente todos os seres humanos. Com relação ao condicionamento físico, recomenda-se avaliar as capacidades físicas básicas uma a uma para compreender os efeitos do envelhecimento, principalmente em idosos. Nesse contexto, vamos nos aprofundar nas questões mais relevantes dessa fase da vida.

Força

A força muscular é uma das capacidades mais importantes para o ser humano. Para determinar os efeitos do envelhecimento sobre essa habilidade, é preciso considerar os braços e as pernas, ou seja, os membros, conforme mostrado por este estudo publicado em 2013. Essa capacidade atinge o seu pico no período compreendido entre os 20 e os 30 anos, aproximadamente. A partir de então, começa a diminuir gradativamente, mas o ponto significativo ocorre após os 45 anos. Nos idosos, o envelhecimento afeta o condicionamento físico de forma significativa, uma vez que isso influencia na execução das tarefas diárias, muitas das quais requerem o uso da força. Inclusive, o processo de envelhecimento – somado a outros aspectos – favorece o aparecimento de doenças como a sarcopenia. Isso torna impossível os deslocamentos curtos e longos e, além disso, também influencia o equilíbrio estático e dinâmico de cada pessoa.

Flexibilidade

Dentro de uma capacidade física como a flexibilidade, convergem a mobilidade articular e a capacidade muscular. É preciso entender que ambas são necessárias para um bom condicionamento físico. Nas pessoas idosas, essa habilidade está amplamente ligada à realização de atividades cotidianas e de lazer. Além disso, geralmente anda de mãos dadas com a força para executar os movimentos de amplitude articular. Os efeitos do envelhecimento dependem das atividades realizadas. Profissionais e especialistas no assunto recomendam fazer alongamentos pelo menos três vezes por semana para evitar a perda de flexibilidade ao envelhecer.

Outros efeitos do envelhecimento

O condicionamento físico sofre um declínio significativo como resultado do processo de envelhecimento. No entanto, essa diminuição se torna evidente, na maioria dos casos, após os 30 anos. No que diz respeito à aptidão aeróbica em pessoas idosas, é preciso fazer atividades físicas de intensidade moderada a fim de reduzir os efeitos do envelhecimento. Nessa fase da vida, o consumo de oxigênio se torna mais complicado, e isso está associado à capacidade cardíaca, também afetada pelo sedentarismo em idades avançadas. Por fim, mas não menos importante, é recomendável levar em consideração o índice de massa corporal ou IMC. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, em pessoas idosas, ele deve receber maior atenção. Você pode se orientar pelos valores da tabela elaborada pela própria OMS. A composição corporal pode ser afetada pelos efeitos do envelhecimento, mas este não é o único fator relevante nesse aspecto.

Não é só o envelhecimento que influencia

É preciso ter em mente que o processo de envelhecimento é mais perceptível em idosos sedentários ou pouco ativos. Portanto, recomendamos consultar um médico de confiança para fazer check-ups anuais. Além disso, lembre-se de que tanto as capacidades físicas mencionadas anteriormente quanto o condicionamento físico em geral estão ligados a diversos aspectos, entre os quais se destacam os hábitos e os estilos de vida saudáveis.

Olá!

Gostamos de manter você bem informado, por isto cadastre aqui seu email para continuar a acessar nosso blog.


Ao assinar, você concorda com a nossa política de privacidade.

[time] atrás, de [location]
Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência em nosso site. Ao clicar em aceitar, você concorda com a nossa Política de Privacidade
Inscrição realizada com sucesso!
Este e-mail já foi registrado.