Crianças que Zzzzzzz

Crianças que Zzzzzzz

No mês das crianças a gente não poderia deixar de homenagear os pequenos e de alguma forma tentar dar uma forcinha para o momento da soneca deles, por isso, o blog de hoje é especialmente voltado para o cuidado deles, vamos nessa?
Geralmente o ambiente mais rotativo de uma escolinha ou creche é uma sala com cortinas longas, luz bem baixinha e um silêncio confortável, carinhosamente chamada de ‘’cantinho da soneca’’. 

Talvez quem passa de longe enxergue só um espaço com várias crianças dormindo, mas, basta estudar um pouquinho para perceber que é nesse lugar e momento que adultos saudáveis estão tomando forma.

Durma bem uma criança, acorde um adulto saudável
É isso mesmo, diversas pesquisas e artigos científicos têm apontado que os efeitos do soninho regulado são essenciais na vida das crianças e tem impacto direto no seu crescimento de um modo geral, afinal é no sono profundo onde a somatotrofina (hormônio do crescimento) é liberada com maior intensidade, estimulando a regulagem da pressão arterial, longevidade, ajustes no do colesterol e influenciando livremente na formação saudável de tecidos, músculos, ossos e cartilagens.

A soneca é muito importante para a aprendizagem e saúde emocional além de estar integrada no corpo das necessidades fisiológicas, ter pausas ou momentos específicos para a soneca é um caminho que desenvolve o potencial dos pequenos, e embora cada um possua uma frequência própria para lidar com o sono, desde as estruturas das casas, os horários dos pais e os ritmos exigidos por suas vidinhas sociais e de atividades físicas, existe uma questão extremamente importante de ser ressaltada quando se fala no sono infantil.

Será que ele está sendo saudável ou não?
Talvez, se você parar por uns minutinhos na porta de um cantinho da soneca, poderia notar alguns sons e movimentos um pouco fora do comum.

 Existem crianças que, por conta de alguns probleminhas acabam roncando - na verdade uma pesquisa da revista Pediatrics aponta que 1 em cada 10 crianças ronca - e esse hábito involuntário pode ocasionar consequências graves. 

Isso acaba ocorrendo por conta do volume das suas amígdalas, ou da formação dos cornetos nasais, o ronco barulhetinho pode estar atrelado também a apnéia obstrutiva do sono, que quando não cuidada coloca a saúde em perigo em vários níveis, pesquisadores relatam que os transtornos de respiração na hora de dormir são responsáveis por impulsionar até mesmo problemas de comportamento e diminuir os níveis de oxigênio enquanto aumentam os de dióxido de carbono no córtex pré-frontal, interrompendo a restauração e desequilibrando vários sistemas celulares e químicos.

Ronquinho não é fofo, é perigoso e pode ser evitado
Ficar então, ligado no quadro respiratório da criança e notar se existem barulhos enquanto dormem, movimentações excessivas, suor durante o sono pode denunciar a apnéia ou um ronquinho demasiado.

*Curiosidade prática: Falta de apetite, irritabilidade, falta de foco e hiperatividade podem ser sinal de um sono mal aproveitado - na maioria das vezes, crianças que apresentam uma dessas reações estão atreladas ao ronco. 

Quando ocorre a apnéia, a criança tem uma pausa na respiração enquanto está adormecida por causa das amígdalas ou  da adenóide e tem o sono interrompido, sem entrar no estágio de sono profundo, assim seu organismo não libera o hormônio do crescimento na quantidade ideal e o seu desenvolvimento fica comprometido.

E quando isso acontece, a nossa indicação é que haja a procura rápida por um Pediatra e Otorrino, para o bom andamento da saúde da criança e o bom desenvolvimento do sistema respiratório.

Motivos para a soneca escolar
- Estimular o desenvolvimento cognitivo e saúde emocional;
- Impulsionar os ciclos do organismo que ajudam no crescimento;
- Renovar a energia e sensação de bem-estar.

O Fuso-horário da creche
Indica-se que o sono siga esse padrão de horas para cada idade relacionada:
- De 1 mês a 6 meses: entre 14 e 15 horas
- De 7 meses a 1 ano: entre 13 e 14 horas
- De 2 a 5 anos: entre 11 e 13 horas

Adaptar as crianças a uma rotina saudável, além dos estudos e atividades físicas, prezando por tempo de qualidade, evitando o uso excessivo de celulares antes da hora de ir para a cama pode ajudar em um sono mais profundo.

 

Olá!

Gostamos de manter você bem informado, por isto cadastre aqui seu email para continuar a acessar nosso blog.


Ao assinar, você concorda com a nossa política de privacidade.

[time] atrás, de [location]
Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência em nosso site. Ao clicar em aceitar, você concorda com a nossa Política de Privacidade
Inscrição realizada com sucesso!
Este e-mail já foi registrado.