Dicas de respiração durante uma partida de tênis

Dicas de respiração durante uma partida de tênis

Se a tenista portuguesa Michelle Larcher de Brito (foto) não tivesse sido advertida pela arbitragem de Roland Garros, talvez vencesse a francesa Aravane Rezai na terceira rodada, e teria sido a tenista mais nova a chegar às oitavas do charmoso Grand Slam francês. O motivo da advertência? O som que emite ao golpear a bola – que comparo ao grito de um gato pisoteado por engano.

Não é qualquer som, não… Sons estridentes, estranhos e exóticos à parte (quem não se lembra de Monica Seles nos anos 90 e da atual barulhenta Maria Sharapova?), o fato é que os tenistas estão soltando o ar durante seus golpes, e o controle da respiração é outro aspecto ligado à melhor performance na quadra de tênis. No entanto, vamos deixar claro que você não precisa emitir barulhos exóticos para aproveitar as vantagens do controle da respiração na partida, ok?

Respiração é tudo

Quando se está mais tranqüilo – lembre-se de uma boa noite de sono – a respiração é mais lenta e mais profunda. Ao contrário, quando se está enfrentando algum perigo ou situação estressante, sua respiração fica rápida e superficial.

Culturas milenares como a yoga e o budismo, por exemplo, há tempos mostram aos seus discípulos a ligação entre a respiração e os estados emocionais e mentais. Elas ensinam e praticam o caminho inverso: controlar a respiração para alcançar determinados estados.

A “Meditação Transcendental” também se utiliza de técnicas respiratórias para que os praticantes possam relaxar, abaixar as frequências cerebrais e entrar em estados de contemplação.

Respire para se acalmar

Se alguém lhe diz para “respirar fundo” você sabe que isso ajudará todo o seu sistema a se acalmar. A respiração leva o oxigênio para seus músculos e cérebro, e é composta das fases de inspiração (quando o ar entra nos pulmões, pleno de oxigênio) e de expiração (quando o ar sai dos pulmões com o gás carbônico). Dizemos que a inspiração foi profunda quando movemos a parte superior do tronco e também o abdômen; a inspiração é superficial quando movemos apenas a parte superior do tronco.

Dicas para respirar melhor no jogo

As dicas mais espertas para você usar a respiração a seu favor são:

1. Procure coordenar a respiração com os seus golpes, inspirando durante a preparação do golpe e soltando o ar pela boca durante o contato com a bola. Sinta como se o ar que você exala na batida fosse também fazer contato com a bola. O Dr. Jim Loehr gosta de usar a palavra “yesssssss” (sim) como uma dica auditiva para reforçar esse hábito respiratório. Exalar deixa os músculos mais relaxados e fica mais fácil golpear a bola de maneira coordenada e harmoniosa quando sua respiração está controlada desta maneira.

2. Dê pelo menos uma expirada forte cada vez que se sentir bravo, tenso, nervoso ou medroso nos pontos durante a partida. Ao inspirar, levante os ombros e encha sua barriga, e expire abaixando os ombros e encolhendo a barriga, com um fluxo longo e contínuo de ar.

3. Pratique ciclos de respiração mais lentos para relaxar após os treinos, durante as viradas, ou antes de um jogo. Você pode começar inspirando em quatro tempos, segurando o ar dentro dos pulmões em dois tempos, e expirando em quatro tempos. Depois você pode tentar o 4-4-4, 5-5-5, etc., até 10 tempos. Inspire-se e bom jogo!

Fonte: revistatenis

Deixe uma resposta

Fechar Menu
0
×

Carrinho